10/08/2019

Base sismografica em Pedro II detecta tremores no Oceano Atlântico durante a madrugada deste sábado

Base sismográfica na Serra dos Matões em Pedro II que registrou os tremores na costa brasileira (Créditos: Portal Rede 1)

A estação de monitoramento de abalos sísmicos instalado na Serra do Matões em Pedro II, detectou dois tremores (maremotos) no Oceano Atlântico, denominada na linguagem de "dorsal meso-oceânica", na madrugada deste sábado (10/08).

Além da base de Pedro II, outras estações da Rede Sismográfica Brasileira  operadas pelo o Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) registraram as ocorrências no mesmo epicentro.

O primeiro registro foi detectado as 1:04 da madrugada que teve a magnitude preliminar de 4,1. Já o segundo evento foi registrados as 4:41 e teve a escala de 5.1.


No mapa (abaixo), ilustra o local exato dos eventos sismográficos e a localização de Pedro II. Embora que os tremores tenham ocorrido no mar, os especialistas garantem que não haverá algum risco de tsunami que possa atingir as cidades localizadas no litoral do nordeste ou do Piauí.


Ilustração do local do maremoto (RSB)

Recentemente, a base de monitoramento de Pedro II que atende pela a sigla de NBPS recebeu melhorias em suas transmissões de dados, o que contribui significantemente para os estudos relativos aos tremores de terras no território brasileiro.


Imprimir