18/03/2018

Exclusivo: Açude Joana de Pedro II atinge 14% de sua capacidade

O Açude Joana atinge 14% de quota no final de fevereiro em Pedro II
Açude Joana de Pedro II em 04/03/2018 (créditos: Portal Rede 1)


A Agência Nacional de Águas – ANA divulgou os dados atualizados do sistema de monitoramento de reservatórios onde destaca os volumes das barragens e açudes de domínio da União em todo o Brasil.

No boletim de acompanhamento dos reservatórios do Nordeste datado em 26 de fevereiro de 2018, revela que o Açude Joana de Pedro II apresenta 14,06% da sua capacidade de acumulo (em destaque na imagem logo abaixo).

No boletim anterior divulgado no dia 14 de dezembro do ano passado, os dados indicavam que o Açude Joana encontrava-se com seu volume d’água calculado em apenas1,8%, próximo de “zerar” o reservatório.

As chuvas que caíram com maior intensidade durante o mês de fevereiro contribuíram incisivamente para aumentar a cota d’água do Açude Joana.

O Açude Joana barra o Rio Corrente sendo o principal reservatório para o abastecimento de Pedro II feito pela a Agespisa.

Dados Oficiais da ANA

O Açude Caldeirão em Piripiri é o único reservatório do Piauí que está com o status de “cheio”.

Nos grandes reservatórios do estado mostrado no painel da ANA, a barragem do Jenipapo de São João do Piauí está com a quota de 80,65%; a barragem Pedra Redonda em Conceição do Canindé está com 78,70% e a Barragem Salinas em São Francisco do Piauí está com 69,69% de sua capacidade.





Publicidades

Nenhum comentário:

Postar um comentário