16/01/2018

Açude Joana de Pedro II está chegando ao volume de água a 'zero'

Açude Joana de Pedro II (foto: Portal Rede 1)


O Açude Joana de Pedro II está chegando ao volume de água zerado, conforme mostra o último boletim de monitoramento de reservatórios do Nordeste, divulgado pela a Agência Nacional de Águas (ANA) nesta semana.

No painel, os dados são de 14 de dezembro de 2017, traz a relação dos principais reservatórios dos estados. No Piauí, são listados 26 açudes e barragens. Dos grandes reservatórios, já estão secos as barragens Barreiras em Fronteiras e o Cajazeiras no município de Pio IX, ambos situado no sul do estado.

O Açude Joana em Pedro II figura com um volume calculado em 1,8%. No boletim de 10 de novembro, o Joana estava com volume de água de 2,8%.

 
Dados Oficiais da ANA


Em visita feita na última sexta-feira em Pedro II pelo o presidente interino da AGESPISA Genival Sales, disse que a empresa ainda utiliza o açude Joana como fonte captadora de água para o abastecimento. “No período do dia a gente utiliza os poços e durante a noite é feito a captação do Açude Joana para o sistema de abastecimento da cidade de Pedro II” declara o presidente.

Açude Joana de Pedro II (foto

Açude Joana de Pedro II (foto: Portal Rede 1)
Açude Joana de Pedro II (foto: Portal Rede 1)

Açude Joana de Pedro II (foto; Portal Rede 1)


O Açude Joana foi inaugurado em agosto de 1996 e sua construção barra o Rio Corrente. Sua parede tem uma altura de 27,5 metros e a obra foi executada em convênio entre o DNOCS e o Ministério do Exercito, pelo o 2º Batalhão de Engenharia e Construção (BEC) com o objetivo de abastecer a cidade de Pedro II.


Nenhum comentário:

Postar um comentário